Reconsideração: situação de exonerados será submetida ao Pleno

Diretores do Sindojus, Gustavo Macedo e Cícero Filho

Os dirigentes do Sindicato dos Oficiais de Justiça, Cícero Filho e Gustavo Macedo, reuniram-se nesta quinta (24/1) com o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Tutmés Airan.

O tema principal da reunião foi a decisão do desembargador presidente, publicada na última na segunda (21/1), onde houve a exoneração de servidores.

Ao tomar conhecimento da decisão, o Sindojus passou a tomar todas as medidas necessárias visando reverter a situação. Dentre essas medidas, reunião com o presidente da Corte e um pedido de Reconsideração ingressado na quarta-feira (23/1).

Na reunião desta quinta (24/1), o desembargador Tutmés disse aos dirigentes sindicais que em face do pedido realizado pelo Sindojus irá Reconsiderar a decisão, submetendo-a ao Pleno do TJ, provavelmente na sessão do dia 5 de fevereiro.

“A partir da Reconsideração, esse tema precisa ser apreciado pelo plenário do Tribunal, que irá definir o caso”, destacou o desembargador presidente.

“Demos o primeiro passo. A decisão do desembargador Tutmés abre a possibilidade de uma solução definitiva para o caso. Acreditamos na sensibilidade dos desembargadores que compõe a Corte alagoana”, ressaltou Cícero Filho.

De acordo com o diretor jurídico do Sindojus, Gustavo Macedo, “temos um bom direito, haja vista, favoráveis precedentes no próprio Tribunal de Justiça”.

O Sindojus, como tem feito desde o início, continuará trabalhando atentamente em favor dos colegas, e desde já, ressalta a importância da mobilização de todos os servidores.

Convocação

O Sindojus deixa pré-agendada uma mobilização em favor dos exonerados para quinta-feira, (31/1), 15h, no fórum da capital.

Pleno

Desde já, convoca também todos os servidores para irem ao Pleno na data em que for pautado o julgamento.